top of page

Ana Barroso e Guigga lançam o single Chelenguin


“Dois pra lá, dois pra cá. Xote dengoso sobre amor, mas não só.” Depois de mais de dez anos de amizade, Ana Barroso e Guigga finalmente lançam um trabalho em parceria. Vozes do sertão da Bahia que reverenciam e atualizam o forró num elo entre o original e a tradição. Com direção musical, triângulo e zabumba de Sebastian Notini, o dueto foi gravado em Salvador e conta ainda com a participação do sanfoneiro Gel Barbosa.


Para ouvir, clique aqui: https://tratore.ffm.to/chelenguim


“Ana Barroso me fez o convite para participar de Chelenguim cantando a música que ela tinha feito à capela, em áudio gravado no celular. Reconheci que ali nascia nossa tão aguardada parceria, um verdadeiro presente de Ana para nós. A gravação contou com a direção musical, triângulo e zabumba de Sebastian Notini, que com toda sua sensibilidade, nos proporcionou a melhor viagem para a chegada desse dueto especial. Tivemos ainda a participação primorosa de Gel Barbosa, que fez a magia do sertão acontecer com seu fole.

E assim nasceu nosso Chelenguim, que chega com todo esse amor às plataformas amanhã!”, conta Guigga.


ANA BARROSO

Atriz, cantora e compositora. Iniciou sua carreira como cantora aos 15 anos (2009), quando integrou o Brincando de Cordas, grupo representante do choro no sudoeste baiano, sendo vocalista por dois anos. Natural de Vitória da Conquista (BA), seu contato com a cultura popular se intensificou durante a graduação em Licenciatura em Teatro (2011), quando pode compor uma série de canções nutridas da estética musical de longa tradição e atentas às questões do seu tempo.


Com fortes raízes musicais e trajetória assentada em referências que passeiam desde as cantoras de rádio até o cancioneiro popular de sua região, Ana é um elo entre o original e a tradição, em suas canções autorais expressa a sinceridade que a vida incorpora na sua e em outras existências.


Em 2017 a cantora protagonizou o Romance-Lítero Musical Favela do renomado autor Elomar Figueira Mello e atualmente reside em Salvador, já tendo participado de relevantes projetos como o musical Sonho de Uma Noite de Verão na Bahia (2019) dirigido por João Falcão.


Hoje, quem acompanha a artista percebe sua versatilidade como atriz, compositora e cantora, passeando por novos caminhos sonoros e poéticos, que constrói gradualmente uma personalidade artística autêntica.


GUIGGA

Guigga é o apelido de infância do cantor, compositor e agente da cultura Achiles Silveira Neto. Nascido em Maracás, sertão da Bahia, e filho do também cantor e compositor Sebastião Silveira, começou a cantar aos 8 anos de idade no grupo de percussão Filhos do Quilombo, em sua cidade natal.


Aos 11 anos, Guigga se tornou oficialmente vocalista da Banda Me Leva, uma banda de baile formada pelo seu pai e por outros músicos de Maracás. Como cantor da banda, gravou diversos discos e fez shows em dezenas de cidades dos interiores da Bahia, de Minas Gerais e do Rio de Janeiro, sempre em carnavais, micaretas, formaturas e festejos juninos, acompanhando o seu pai até o ano de 2009, quando mudou-se para Vitória da Conquista para cursar Direito na Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia.


Na UESB, conhece o também cantor e compositor Marcos Marinho, seu colega de curso, com quem forma o duo CAIM. Em 2014, após participações premiadas em festivais de música do país, a dupla de estudantes lança o disco "Ciência, Arte, Ideologia e Música", considerado pelo site Melhores da Música Brasileira como um dos álbuns mais importantes daquele ano. A música "Disfarce", presente no disco, foi incluída na lista das dez melhores canções de 2014. Em 2015, esta mesma canção foi indicada ao Prêmio Caymmi de Música na categoria de Melhor Canção e Guigga, ainda se apresentando como Achiles Neto, foi indicado na categoria de Melhor Intérprete. Neste mesmo ano, o maracaense venceu o maior festival de música do país, o FENAC, com a canção "Corte e Costura", parceria com Conrado Pera, recebendo o Troféu Lamartine Babo das mãos do compositor Toninho Horta.


Informações / Carola Gonzales


vertical (1).png
Publicidade
vertical.png
bottom of page