top of page

PM prende 14 pessoas por participação em rinha e apreende 127 galos em Salvador


A Polícia Militar prendeu 14 pessoas que participavam de uma rinha de galo no Alto do Peru, em Salvador, na manhã deste domingo (23). No local, agentes da Companhia Independente de Polícia de Proteção Ambiental (CIPPA), encontraram 127 animais com indícios de maus tratos, além de seringas.

De acordo com a PM, os policiais chegaram ao local por volta das 11h, após receberem denúncia anônima de que as rinhas aconteciam na Rua Moraes Filho.

Após constatarem a prática, os agentes levaram os envolvidos, os animais e o material apreendido para a 5ª Delegacia.

Os presos foram enquadrados no crime de maus tratos contra animais, previsto no artigo 32 da lei de crimes ambientais. Como o delito é considerado de menor potencial ofensivo, a Polícia Civil lavrou Termo Circunstanciado de Ocorrência, e os envolvidos, liberados em seguida. O caso será encaminhado ao Juizado Especial Criminal. Os acusados podem ser condenados a pena de três meses a um ano de prisão e/ou pagamento de multa.

“A ajuda da população é muito importante para evitarmos crimes de maus tratos aos animais”, destacou o comandante da CIPPA, Major Amilton.

Informações/Bahia Notícias

vertical (1).png
Publicidade
vertical.png
bottom of page