Vale do Jiquiriçá ultrapassa 800 casos do coronavírus e Jaguaquara lidera com 444


O Vale do Jiquiriçá ultrapassou a marca de 800 casos do novo coronavírus, nesta quarta-feira (8). Já são 812 casos confirmados da doença, desde o início da pandemia.

Esse total atinge 19 dos 20 municípios que integram o Território de Identidade. O município mais populoso, Jaguaquara, chegou a (444) casos, seguido de Amargosa (72), Maracás (65), Milagres (53), Mutuípe (33), Laje (26), Lagedo do Tabocal (23), Lafaiete Coutinho (12), Brejões (11), Ubaíra (11), Nova Itarana (10), Itaquara (8), Santa Inês (8), Irajuba (7), Elísio Medrado (6), São Miguel das Matas (5), Cravolândia (5), Jiquiriçá (3) e Planaltino permanece como o único município que ainda não confirmou casos da Covid-19, segundo a Secretaria de Saúde local. Dos 812 infectados no Vale, 387 são considerados recuperados. Na região, foram confirmados 09 óbitos.

A expectativa dos munícipes é de que o Governo do Estado assuma a Unidade de Pronto Atendimento –UPA 24h, que foi construída pelo Governo Federal em convênio com a Prefeitura de Jaguaquara e encontra-se fechada às margens da BR-116, no distrito Stela Dubois – Entroncamento de Jaguaquara. O governador Rui Costa, em declaração nesta semana garantiu que a SESAB irá arcar com as despesas para a abertura da UPA, que irá funcionar como Centro Regional de Combate ao coronavírus.

Um projeto de cessão de uso da UPA já foi aprovado pela Câmara de Vereadores de Jaguaquara, mas a pedido do Estado a matéria voltará a Casa Legislativa para alteração, nesta quinta-feira, cujo equipamento ficará sob a responsabilidade do Consórcio de Saúde da região, com o custeio do Governo.

Informações / Marcos Frahm

© 2020 Todos os Direitos Reservados

 Por Josi Machado e Allan Lago