Por coronavírus, Libertadores e Sul-Americana acontece sem público no Paraguai


Por ordem do governo paraguaio, partidas de futebol e outros eventos com aglomeração no país terão portões fechados em razão da epidemia mundial de coronavírus. A medida foi anunciada ontem (10).

A Conmebol divulgou hoje em seu perfil oficial no Twitter que seguirá a recomendação da administração pública local, assim, as partidas da Libertadores e da Sul-Americana serão realizadas sem público.

Até o momento, de acordo com o governo paraguaio, há a confirmação de cinco casos de pessoas infectadas com o novo coronavírus.

O Paraguai é o primeiro país na América do Sul com veto ao torcedor no estádio de futebol por causa da doença.

Informações / Metro 1

vertical (1).png
Publicidade
vertical.png