Com 'resultados gratificantes', Denice diz que Ronda Maria da Penha salvou 6 mil mulheres


A major Denice Santiago avaliou que a Ronda Maria da Penha tem "resultados gratificantes". Após cinco anos de sua criação, a major diz estar celebrando "mais de 6 mil mulheres que estão vivas graças a essa atividade". Ela participou da festa de comemoração pela data, nesta segunda-feira (9).

"A Polícia Militar cresceu muito no enfrentamento da violência doméstica familiar contra a mulher a partir da implementação deste equipamento. A Ronda Maria da Penha foi uma das primeiras doações do governo para as mulheres baianas", disse ao Bahia Notícias.

Denice revelou que a Bahia tem 14 municípios atendidos, e como projeto do governo, serão mais oito municípios para ser incluídos . "A Ronda Maria da Penha precisa ser desnecessária, mas, enquanto isso, nosso desejo é trabalhar para que nada ocorra. Já efetuamos 217 prisões, são menos homicídios. Fazemos visitas domiciliares, acompanhamento. Não basta o combate por si só", comentou.

Todos os policiais militares que atuam na Ronda Maria da Penha são voluntários, segundo a major. "São serviços específicos, é um crime cultural. Nós alcançamos um nível com nossa assistidas. Tentamos ajudar", finalizou.

Informações / Bahia Notícias

vertical (1).png
Publicidade
vertical.png