Comitê emergencial avalia impacto das chuvas em Jequié


Membros do comitê emergencial reuniram na manhã desta quinta-feira (23), no prédio da prefeitura para avaliar as conseqüências das chuvas que caem em Jequié. o comitê emergencial, que é composto de representantes de todas as secretarias municipais e, ainda, contando com o apoio da Ouvidoria Geral do município, da Superintendência Municipal de Trânsito (SUMTRAN) e da Guarda Municipal, que desde as primeiras horas do início das chuvas, já estavam em campo.

A chuva de quarta-feira e que durou cerca de uma hora, provocou alagamento no entorno da Estação Rodoviária e Avenida Santa Luzia, bairro Joaquim Romão; Centro de Abastecimento Vicente Grilo; na Avenida Landufo Caribé, próximo do Posto Pampa; na Avenida Rio Branco, imediações da Biblioteca Municipal; Trechos dos bairros Mandacaru, KM 3 e KM 4; no Loteamento Vila Aeroporto, no Jequiezinho.

Foi registrada a queda de duas árvores e de o muro de uma residência, que também não teria suportado o volume de águas. Não houve registros de imóveis com estrutura danificada ou de famílias desabrigadas. A Prefeitura de Jequié, por meio da Secretaria de Educação, disponibilizou o Centro Educacional Presidente Médici, no Joaquim Romão, para a alocação de famílias possivelmente atingidas pelas chuvas.

A Secretaria de Desenvolvimento Social está atuando, através das equipes dos Centros de Referência da Assistência Social (CRAS), que existem nos diversos bairros da cidade, e prestando apoio e, caso seja necessário, estarão encaminhando as pessoas para os serviços sociais.

Com as chuvas fortes, alguns semáforos entraram em pane, mas a SUMTRAN, desde o começo da manhã, vem prestando assistência técnica para que os mesmos sejam normalizados o mais rápido. A Prefeitura de Jequié realizou a limpeza preventiva de canais pluviais nos diversos bairros e localidades, ação que ajudou a minimizar os danos causados, mesmo com a grande precipitação de chuva.

Quaisquer ocorrências de alagamentos, deslizamentos de terra ou solicitação de ajuda, caso ocorram problemas em decorrência das chuvas, as pessoas podem lugar para o número da Ouvidoria Geral do Município (0800 071 1710), via ligação gratuita e, ainda, os números (73) 3526-8039 e (73) 3526-8039, para o aplicativo de mensagens WhatsApp.

Informações / Marcos Cangussu

vertical (1).png
Publicidade
vertical.png