Governo tem até dia 23 para restabelecer fiscalização por meio de radares


O governo terá até a próxima segunda-feira (23) para comprovar que a fiscalização nas rodovias federais, por meio de radares estáticos, móveis e portáteis, foi totalmente restabelecido. A nova data foi determinada pelo juiz Marcelo Gentil Monteiro, da 1º Vara da Seção Judiciária do Distrito Federal.

A decisão suspendeu, por ora, o prazo de 72 horas dado pelo magistrado na última quarta (11), para retorno do monitoramento. "A não utilização dos equipamentos, a cada dia, é capaz de acarretar o aumento do número de acidentes e de mortes", afirmou Monteiro.

Além de cumprir o prazo do dia 23, a União terá que comprovar até sexta (20) a instalação de parte dos equipamentos, nos locais onde as providências tomadas já tiverem sido suficientes.

O magistrado fixou uma multa de R$ 50 mil por dia de atraso, caso as determinações não sejam cumpridas.

Informações / Metro 1

vertical (1).png
Publicidade
vertical.png