Jovem maracaense que foi morto em SP, será sepultado em Maracás

03.12.2019

 O Jovem maracaense, Mateus Santos Costa, de 23 anos, foi uma das nove vítimas que segundo informações, foram pisoteadas após uma ação da Polícia na Comunidade de Paraisópolis em São Paulo na madrugada do último domingo (01).

 

Acontecia um baile funk tradicional na comunidade e havia  cerca de 5 mil pessoas no local. A ação da polícia contra dois indivíduos que resultou em perseguição e  tiros, acabou assustando a multidão do baile que começou a correr e neste instante teria ocorrido o incidente. Autoridades investigam a ação da polícia.

 

O corpo de Mateus está sendo transferido para Maracás. Familiares, amigos e pessoas que se solidarizaram com a situação, conseguiram arrecadar através de uma ação, a quantia necessária para fazer os translado do corpo. O acontecimento chocou a cidade.

 

Ainda não há informação sobre o dia e horário do sepultamento.

 

Informações / Jornal da Cidade

 

Please reload