Chuva inviabiliza circulação de veículos na região da caatinga


Acostumados a conviver e resistir aos longos períodos de estiagem, com a dizimação de suas lavouras, nesse período de chuva, os moradores da região da caatinga enfrentam uma nova realidade adversa, com a precariedade da principal estrada vicinal que interliga as localidades à BR 330, município de Jequié.

A partir do Morro Verde, passando por várias comunidades – Barraquinha, Monte Branco, até chegar ao distrito de Porto Alegre (Maracás), os atoleiros inviabilizam a circulação dos veículos pequenos e os ônibus, causando perda de tempo e prejuízos econômicos.

“Em períodos como o que estamos convivendo no momento ficamos quase que totalmente ilhados, impossibilitados de negociar nossas produções, adquirir uma mercadoria no comércio urbano e, principalmente sair em busca de um atendimento de saúde”, desabou um morador da região em áudio, acompanhado de fotos enviados ao Blog Jequié Repórter, cobrando providência por parte da Prefeitura local.

Informações / Jequié Repórter

© 2020 Todos os Direitos Reservados

 Por Josi Machado e Allan Lago