Conquista: Polícia diz que Erica não está grávida


A Polícia Civil, através da Delegacia de Homicídios de Vitória da Conquista, emite nota de esclarecimento sobre um suposto caso de aborto que teria ocorrido no dia 10/12/18

Hoje, 13/12/18, está sendo vinculado em redes sociais, sobretudo em Vitória da Conquista, que a jovem Erica Santos Souza teria abortado seu filho no oitavo mês de gestação e que para tanto teria contado com a ajuda de outras pessoas.

A Polícia Civil esclarece que desde ontem está investigando o caso e, após a realização de vários exames laboratoriais e clínicos, já constatou que efetivamente Erica não teve gravidez recente, portanto, a suposta prática de um aborto foi cabalmente descartada.

Resta apurar a real motivação para a conduta de Erica. Uma hipótese seria em decorrência de uma gravidez psicológica.

Informações / Delegacia de Homicídios de Vitória da Conquista

vertical (1).png
Publicidade
vertical.png