Esportes: Aposentadoria na tela da Globo


Depois da entrega da taça, entre os vários comentários de finalização das transmissões, Arnaldo pediu a palavra e anunciou: “A vida da gente é feita de fases. Eu tive a minha como árbitro de futebol, cheguei a apitar uma final (de Copa, a de 1982, entre Alemanha e Itália), que é o grande momento da vida de um árbitro. Eu tive minha fase como comentarista em todas as Copas do Mundo que você (Galvão) esteve comigo. E quero dizer que está chegando ao fim dessa fase. Tenho novos projetos, a Rede Globo está de portas abertas, eu sei disso, mas quero descansar um pouco porque é realmente uma vida fatigante. Quero me dedicar um pouco à família e aos meus negócios também”, disse Arnaldo.

“Muito obrigado a todos. Acho que a equipe da Rede Globo, dos pequenos funcionários até os maiores diretores, é uma equipe grandiosa que nos dá segurança e tranquilidade. A Rede Globo me ensinou muita coisa e consegui ensinar muita coisa ao telespectador. Uma nova fase vem aí, tem um momento de renovação que é muito importante. Agradeço a todos que me ajudaram nesta fase”, completou ele, despedindo-se da função que ele mesmo criou, que é a de comentarista de arbitragem.

Sem perder a deixa, Galvão disparou: “Pode isso, Arnaldo? Pode. Você pode fazer o que quiser. Quero te agradecer”.

Durante o fim da transmissão da decisão, Galvão ainda afirmou ainda deve negociar como fica sua situação na Globo, não confirmando se deve mesmo se aposentar ou se deixará a função de narrador.

Fonte: Globo.com

© 2020 Todos os Direitos Reservados

 Por Josi Machado e Allan Lago