Caminhoneiros prometem nova greve na segunda-feira (04)


Enquanto a imprensa e autoridades afirmam e tentam convencer a população de que a greve terminou e o governo tem o controle da situação, nas redes sociais os caminhoneiros continuam divulgando mensagens em áudio afirmando que a greve está longe de terminar. O que ocorre é apenas uma trégua, para que os manifestantes possam visitar suas famílias e reabastecer o emocional e o físico. Em um áudio que circula de caminhoneiros baianos, estes afirmam a continuidade da greve, inclusive mais arrefecida, dessa vez com a recusa dos caminhoneiros em transportar alimentos e outros itens básicos. Os caminhoneiros garantem que vão provocar a falta de alimentos nos mercados e dizem que só vão parar quando o presidente Temer renunciar.

Como o movimento não possui assessoria de imprensa, nem porta-vozes oficiais, todas as informações que os blogs independentes conseguem são oriundas de mensagens de whatsapp, muitas vezes “fake news”. Na mensagem em questão, soubemos de uma fonte ligada aos caminhoneiros que ela é procedente. Se é ou não, só na próxima segunda-feira saberemos.

Fonte: Paulo Flores

Farmácia Maracás.jpg
Publicidade
ORQ_1001288_Polo_EAD_Maracas_Banner_Blog