Maracás: Moradores vivem uma triste realidade por falta de atenção do poder público


Para quem chega à cidade de Maracás no sudoeste baiano e conhece apenas o centro da cidade e a Avenida Brasília, uma das mais lindas, das cidades da região, não imagina o que tem por trás dos bairros pobres, “um contraste muito grande”. Moradores dos bairros Irmã Dulce, Iara, Morumbi e Maracaizinho na cidade de Maracás, vivem uma triste realidade. Bairros pobres vivem despercebidos e ignorados pelo poder publico municipal, e os moradores pedem providencias. A nossa reportagem flagrou em diversas ruas, rumas de entulhos e lixos jogados a céu aberto, propícios para moradas de animais roedores (ratos) e outros animais, entre eles peçonhentos, e mesmo assim as pessoas são obrigadas a conviverem com esta situação. A falta de pavimentação é um outro problema sério enfrentado pelos moradores, ruas esburacadas trazem transtornos tanto para quem mora nos bairros, como quem tem que trafegar por eles de veículos. A nossa reportagem conversou com moradores destes quatro bairros, que ainda reclamaram da escuridão em vários pontos, por falta de manutenção da rede de iluminação pública, “como, por exemplo,” a falta de reposição de lâmpadas.


Durante um ano de governo do prefeito Soya, nenhuma rua ainda foi pavimentada em toda zona urbana. No bairro Irmã Dulce a prefeitura deu inicio a pavimentação com paralelepípedos em apenas uma rua no final do ano passado, mais logo em seguida parou a obra. Materiais que seriam usados no trabalho de pavimentação, areia, meio fio e paralelepípedos estão jogados na rua, impossibilitando a passagem de carros, apenas motos conseguem passar, mesmo assim com muita dificuldade. Um morador daquela rua disse a nossa reportagem, que para sair ou entrar, tem que buscar outras ruas como alternativas, se não, não conseguem nem sair ou entrar de carro.

Flagramos ainda, água de esgoto empossado em uma rua, no bairro Irmã Dulce, um problema de saúde pública, mais que passa despercebido aos olhos do poder público. Donas de casa reclamam da sujeira do dia, a dia, em seus lares devido à falta de pavimentação, “quando chove é lama e barro para todos os lados que acabam sujando as casas, quando não chove, é a poeira que toma conta de tudo e ainda provoca problemas respiratórios, principalmente em crianças e idosos”. As vésperas das eleições o ex-prefeito Paulo dos Anjos (PSL) que concorreu à reeleição e perdeu, pavimentou algumas ruas com asfalto, mais o trabalho foi tão mal feito que em algumas ruas quase não se ver mais o asfalto, que não resistiram às chuvas e ao trafego de veículos. Os moradores destes bairros dizem que já não aguentam mais tantas promessas politicas feitas pelos candidatos em épocas de campanha eleitoral, que após ganharem as eleições desaparecem e os deixam a mercê da sorte. Os moradores reivindicam do prefeito Uilson Novaes (Soia) do PDT, melhorias para estes bairros, com o trabalho de pavimentação das ruas, limpeza do mato, retirada do lixo, iluminação pública, e que faça projetos que venham melhorar a qualidade de vida deles.

As informações são do Blog Ely Moraes

vertical (1).png
Publicidade
vertical.png