Motoqueiros com motos barulhentas têm tirado a paz e o sossego de moradores da cidade de Lajedo do T


Moradores da cidade de Lajedo do Tabocal na Bahia têm reclamado dos barulhos altos produzidos por escapamentos de motos. Sem querer serem identificados, estas pessoas informaram a nossa reportagem que pessoas jovens, transformam o barulho original da moto mexendo no miolo do escapamento, provocando um barulho ensurdecedor, com altas aceleradas, tirando a paz e o sossego dos moradores, principalmente de crianças de colo, idosos e pessoas doentes.


Com medo de represália por parte destes indivíduos, estas pessoas informaram que se mantêm caladas ficando a mercê da desordem na cidade. Segundo informações, quando o policiamento do Pelotão de Emprego Tático Operacional (PETO), entra na cidade, os usuários de motos utilizadas nesta pratica barulhenta, através de um sistema de comunicação bem elaborados entre eles, usando o aplicativo de WhatsApp, passam informações entre se, e como uma toque de mágica as motocicletas desaparecem das ruas. Quando o PETO deixa à cidade a desordem é retomada.


Foi informado ainda que entre os que provocam a desordem nesta pratica de perturbação ao sossego alheio, estão adolescentes, pessoas não habilitadas, e parentas de alguns parlamentares do município. Além do barulho infernal, tem motoqueiros que andam em alta velocidade levando risco de acidentes a pedestres e veículos que trafegam pela cidade. A única coisa que estas pessoas que entraram em contato com a nossa reportagem querem, é que a polícia realize operações investigativas para chegarem até os autores, tomando providencia e trazendo de volta a paz, o respeito e o sossego à cidade de Lajedo do Tabocal.

Fonte: Ely Moraes

Foto: Montagem

vertical (1).png
Publicidade
vertical.png