Buscar
  • ´Jornal da Cidade

Jaguaquara impõe toque de recolher; e punição para o comércio que descumprir regras


Após a determinação de fechamento do comércio local, como uma das ações de enfrentamento à Covid-19, a Prefeitura de Jaguaquara, sob a justificativa do aumento de casos do coronavírus no município, 371 casos, também voltou a restringir a circulação de pessoas nas vias da cidade, por meio de decreto que impõe o toque de recolher, das 19h às 06h, pelos próximos 15 dias, a partir desta terça-feira (7).

O decreto pede que a população permaneça em casa, exceto quem estiver atuando em serviço de delivery ou em deslocamento de trabalho, cuja jornada esteja compreendida no horário estabelecido.

A Prefeitura endureceu as regras impostas aos comerciantes, inclusive aos que representam estabelecimentos classificados como serviços não essenciais, que estão proibidos de funcionamento, até em regime de delivery ou retirada de produtos no local.

O setor supermercadista está autorizado a funcionar das 08h às 16h e no sábado até as 14h. Bares, academias e templos religiosos estão impedidos pelo novo decreto municipal. Restaurantes, lanchonetes, pizzarias e outros apenas com delivery. Nenhum estabelecimento comercial está autorizado aos domingos, exceto farmácias e postos de combustíveis.

A gestão municipal tem enfrentando, nas redes sociais, uma enxurrada de críticas de comerciantes que discordam de tais medidas, mas o argumento do poder público é de que o momento exige prioridade na prevenção ao coronavírus e o fechamento do comércio reforça o isolamento social para contenção da disseminação do vírus.

Conforme o decreto, o descumprimento prevê interdição imediata do estabelecimento infrator e até cassação do alvará, além de processo administrativo.

Informações / Marcos Frahm

97 visualizações

© 2020 Todos os Direitos Reservados

 Por Josi Machado e Allan Lago