Buscar
  • Jornal da Cidade

Queiroz, o ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro, é preso


Horas após a prisão do ex-assessor do senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ) Fabrício Queiroz, amigo do presidente Jair Bolsonaro (Sem partido), o ministro da Justiça, André Mendonça, foi chamado ao Palácio do Planalto.

De acordo com o jornal Folha de S. Paulo, foram cancelados compromissos que estavam em sua agenda. Mendonça se dirigiu imediatamente à sede do governo federal. Queiroz foi preso na manhã de hoje (18) em Atibaia, no interior de São Paulo, no imóvel do advogado Frederick Wassef, responsável pelas defesas de Flávio e do presidente Bolsonaro. O jurista esteve no Planalto ontem (17) para a posse do Ministro da Comunicação, Fábio Faria.

Queiroz é investigado por participação em suposto esquema de "rachadinha" na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, no gabinete do então deputado estadual Flávio Bolsonaro. "Rachadinha" é quando funcionários são coagidos a devolver parte de seus salários. O filho de Bolsonaro foi deputado estadual de fevereiro de 2003 a janeiro de 2019.

Informações/Metro1

9 visualizações

© 2020 Todos os Direitos Reservados

 Por Josi Machado e Allan Lago