Buscar
  • Jornal da Cidade

MG confirma 6ª morte que pode estar ligada ao consumo de cerveja da Backer


A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) confirmou ontem (3) a sexta morte que pode estar relacionada à intoxicação por dietilenoglicol após o consumo de cerveja da Backer. A vítima, que não teve identidade e idade divulgadas, morreu no sábado (1º).

Segundo a pasta, são investigados 30 casos de suspeita de intoxicação. Quatro casos foram confirmados, com uma morte. Outros 26 são suspeitos, sendo cinco mortes.

Dos 30 casos relacionados à substância tóxica, que é usada em resfriamento de serpentinas, 22 foram notificados em Belo Horizonte.

Por meio de nota, a cervejaria Backer informou que "compartilha da dor dos familiares das vítimas e, ainda que inconclusas as investigações sobre o acontecido, continua prestando o suporte necessário a todos os atingidos". Ainda segundo o comunicado, a Backer tem acolhido essas pessoas e prestado atendimento psicossocial.

Informações / Metro 1

10 visualizações

© 2020 Todos os Direitos Reservados

 Por Josi Machado e Allan Lago