Buscar
  • Jornal da Cidade

Evasão Escolar na Bahia é uma das maiores do país


Na Bahia, a cada 100 estudantes que iniciam a vida escolar, apenas 54 conseguem se matricular no Ensino Médio e somente 43 chegam a concluir os estudos aos 19 anos.

O grande número de estudantes que deixam de estudar no estado é alarmante, e coloca a Bahia como tendo um dos piores índices de educação do país. Esses dados do ensino básico também se refletem no nível superior, apenas 1 em cada 10 adultos baianos (10,01%) concluíram um curso universitário, a segunda pior média do país.

Em debate realizado na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), que teve como tema a evasão escolar, foram apontados motivos para o alto índice de desistência dos alunos na rede pública, entre eles estão: falta de estrutura nas escolas, falta de merenda escolar, fechamento de escolas, má remuneração dos professores e também a falta de apoio pedagógico.

Em Jequié, foi criado no ano passado o “Programa de Educação de Jovens e Adultos (EJA)”, que visava combater a evasão escolar distribuindo cestas básicas para alunos da rede pública com mais de 70% de frequência. Atualmente, os colégios municipais estão parados por conta da greve dos professores.

Informações / Jequié Repórter

21 visualizações

© 2020 Todos os Direitos Reservados

 Por Josi Machado e Allan Lago