Buscar
  • Jornal da Cidade

Astro do judô do PSG, Teddy Riner quer ver Neymar para entregar quimono prometido em 2017

Dono de 10 títulos mundiais e de duas medalhas de ouro olímpicas, o lendário judoca francês Teddy Riner está de volta ao clube que defendeu quando pequeno, o Paris Saint-Germain. No ano passado, ele fechou um contrato de cinco anos com o clube parisiense para, além de defender as cores da equipe, capitanear o retorno do judô do PSG, que estava desativado desde 2002. O esportista, que ajudou a selecionar 14 jovens para formarem o novo time e será uma espécie de irmão mais velho para eles, não esqueceu da promessa que fez ao atacante Neymar.

No ano passado, quando Neymar fechou com o PSG e Riner soube que os dois seriam companheiros, ele prometeu ao atacante brasileiro um presente. Fez mistério sobre o que seria. Mas, em uma exclusiva com o GloboEsporte.com durante o Campeonato Mundial de Judô em Budapeste, na Hungria, revelou se tratar de um quimono. Nesta sexta, durante a apresentação oficial da nova equipe e da academia do Paris-Saint Germain, com a presença do atacante Killian Mbappé, inclusive, Riner disse que ainda não entregou o presente:

- Não (entreguei), mas não vai demorar. Nós vamos organizar isso. A mensagem que ele me enviou antes dos Jogos Olímpicos me trouxe sorte porque acabei ganhando lá. Eu sempre falo que o Brasil tem um lugar no meu coração: três títulos, um olímpico e dois mundiais! Eu adoro o Brasil - falou Teddy Riner, em referência à mensagem enviada por Neymar antes da disputa da Rio 2016 desejando boa sorte.

Fonte: GE

1 visualização

© 2020 Todos os Direitos Reservados

 Por Josi Machado e Allan Lago